Fiz. Faço. Farei.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

# quarenta e cinco - ERASMUS UAH

Partilho com vocês um sítio que fui visitar, um bocado sem querer, um bocado sem expectativa e depois de 1h30 de comboio. Já me estava a passar com uma viagem tão grande, parecia que nunca mais chegava e arrependi-me mil vezes de estar a perder tempo.
Mas depois, quando cheguei lá, arrependi-me de tudo o que tinha pensado antes. Apresento-vos o Palácio Real de Aranjuez, que fica na localidade que lhe dá nome, a cerca de 50 Km de Madrid. Infelizmente, como não sabia que demorava tanto a chegar, saí de casa um pouco tarde e não cheguei a tempo de entrar para visitar por dentro. Contudo, valeu bem a pena observá-lo por fora e toda a envolvência daquele lugar.
Estava um dia solarengo e outonal, tal como eu gosto. Quase não havia pessoas, e o ambiente era sossegado, silencioso, mágico. Os jardins estavam abertos ao público e foi aí que me perdi... Como sempre, os canteiros muito bem arranjados, espaços verdes saudáveis e bonitos, as flores acabadas de mudar e vivas como só elas. As cores do outono misturadas com a humidade das primeiras chuvas, as folhas verdes, amarelas e castanhas. E flores violeta aqui e acolá, a encher de cor um lugar verde a perder de vista. Fontes com quedas de água, monumentos de pedra coberta de musgo, o Tejo a passar ali ao lado...
Não fazem ideia de como adorei estar ali. Sozinha, perdida e encontrada nos meus pensamentos, num fim de tarde que me soube pela vida. Posso dizer-vos que foi dos sítios onde mais gostei de estar e que mais me entrou.
[22/10/2015]






Sem comentários: