Fiz. Faço. Farei.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Fecha-se uma porta, abre-se uma janela

É verdade que, ao longo dos anos, já perdi algumas pessoas de quem gostava e que julgava serem minhas amigas. Mas olho para hoje e sei que as pessoas que tenho, ainda que poucas, são o suficiente. Não preciso de mais ninguém.

Sem comentários: