Fiz. Faço. Farei.

quinta-feira, 6 de março de 2014

Falta de civismo ou tu para lá caminhas!

Uma pessoa que viaja nos autocarros públicos assiste a muitas coisas. De certeza que quem utiliza regularmente este serviço tem uma história para contar. Eu já me ri, já me apeteceu vomitar, já quis fugir dali com medo e até já andei num que teve um acidente no meio do trânsito de Coimbra.
Mas nunca me tinha apetecido esbofetear ninguém como me apeteceu hoje. Pois que ia muito bem sentada uma mulher, com os seus cerca de 35 anos, quando estavam alguns três ou quatro idosos de pé, mal seguros aos ferros existentes e prestes a cair a cada curva do caminho. Um senhor com 60 e tal anos até se levantou para dar o lugar a um outro homem, visivelmente dificultado. E a lontra ali sentada, como se não fosse nada com ela.
Se alguém olhou para mim naquele momento, certamente que reparou na minha expressão feroz e irritada. Depois considerei que podia estar enganada a respeito dela, não fosse a mulher ter alguma deficiência ou, eventualmente, estar gravidíssima. Analisei: a única barriga que vi era mesmo pneu. Só se fosse manca, coxa, torta...
Depois, por acaso, saímos as duas na mesma paragem e lá ia ela, toda vaidosa em cima dos seus saltos altos, armada em carapau de corrida. Se calhar queria só descansar os chispes, havia de estar muito cansada!
Fiquei danada. O pobre do homem ali, a fazer um esforço enorme para se manter em pé e ela nem se mexeu. Que indiferença. E uma grande falta de respeito.
Pensei para mim que um dia chega a vez dela...

2 comentários:

Margot disse...

espero que tenha ido para a Sé Velha para espetar os seus belos sapatos nos paralelos e espetar a fuça no chão!

Jude disse...

Oh, quantos casos foram os que assisti!!
Enfim... é isso mesmo, o karma vai recompensá-la!