Fiz. Faço. Farei.

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

E tu, já doaste sangue alguma vez?


Hoje fui dar sangue, oficialmente, pela primeira vez.
Há algum tempo fui [tentar] dar mas, infelizmente, a recolha teve de ser interrompida porque o meu sangue não fluía. Andava de dia em dia para ir novamente e, quando dei por mim, já tinham passado dois anos! Não podia passar de hoje, afinal tinha uma campanha de doação aqui mesmo ao pé de casa.
Lá fui até ao local, preenchi o questionário devido, fiz a triagem com um médico, por sinal, muito simpático [e giroo!] e, antes da colheita, só tive de beber um café para subir a minha tensão de passarinho. Depois foi acomodar-me na maca e, em menos de nada, estava a tomar um lanche que as meninas da organização, muito prontamente, ofereciam aos participantes.
De facto, não custa absolutamente nada. Quem for mais sensível pode, simplesmente, virar a cara e não ver o procedimento. A dor que, eventualmente, se sente é controlável e as agulhas não são nenhum bicho-papão. Por isso, se ainda não foram doar sangue por estes motivos, do que estão à espera? Aquilo não custa nada e, acreditem, saber que podem salvar a vida de alguém é a maior recompensa. Só espero que o meu sangue possa ser útil! Lembrem-se... um dia podemos ser nós a precisar!

Sem comentários: